Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
Facebook Jornal Evolução       (47) 3059-1228       Whatsapp Jornal Evolução (47) 99660-9995       E-mail

Que nossa religião nos encaminhe para a caridade

Sexta, 30 de outubro de 2020

 

“Tomando a palavra, Jesus falou aos mestres da Lei e aos fariseus: ‘A Lei permite curar em dia de sábado, ou não?’ Mas eles ficaram em silêncio. Então Jesus tomou o homem pela mão, curou-o e despediu-o” (Lucas 14,3-4).

 

Estava diante de Jesus um hidrópico, um homem que tinha a mão seca e era um dia de sábado. Jesus estava diante dos religiosos da Sua época, eles eram chefes dos fariseus. Existiam pessoas mais religiosas que os fariseus? Imagina os chefes!

A pessoa religiosa que ainda tem dúvida se é permitido praticar o amor ou não, praticar a misericórdia ou não, é porque a religião dessa pessoa está seca, está presa simplesmente nos dogmas, e não está tomada pela graça.

Cuidado para que a nossa religião não vire uma religião farisaica, para que não vivamos uma religião somente de leis e preceitos, com nenhum desmerecimento; pelo contrário, precisamos das leis, dos preceitos, mandamentos, ensinamentos, precisamos dos direitos, precisamos de uma religião que nos encaminhe para vivermos a verdade. No entanto, vira maldade quando vivemos uma religião que não nos encaminha para a caridade.

Que religião hipócrita e maldita que não coloca o ser humano no cuidado, no amor e na importância!

A pessoa se sente mais religiosa porque faz tantas orações, porque coloca o véu na cabeça, porque participa do movimento tal, porque comunga todos os dias… Mas olhamos para o nosso lado: quantos hidrópicos como esse, quantas pessoas morrendo e sofrendo, e eu achando que sou o mais merecedor, porque Deus está comigo, porque sou abençoado e os outros são coitados e desmerecedores!

O mundo sofre, porque não há quem cuide dele, as pessoas passam fome porque não há quem reparta o seu pão, as pessoas ficam doentes porque muitas têm o melhor tratamento do mundo, mas o outro tem um total descaso. Outros se acham proprietários de Deus, e outros são tratados como não merecedores, os desgraçados do mundo.

Que religião hipócrita e maldita que não coloca o ser humano no cuidado, no amor e na importância! Por isso, diante do silêncio dos religiosos de Sua época, os mais religiosos, Jesus pega esse homem pela mão e o cura, cuida dele e dá a ele o Seu amor, independentemente se a religião achava certo ou não.

Muitas vezes, quem está fazendo o bem, cuidando bem, quem está acolhendo quem está sofrendo, são pessoas que nem creem em Deus. Porque as pessoas religiosas estão discutindo religião, estão atacando os outros, sentindo-se mais importantes que os outros, estão a serviço de ideologias, de dogmatismos, e o mundo está sofrendo e padecendo. Onde estão os seguidores de Deus que não se voltam para cuidar dos mais sofredores deste mundo?

Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo

 

Sacerdote da Comunidade Canção Nova



Comente






Conteúdo relacionado



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade


Inicial  |  Parceiros  |  Notícias  |  Colunistas  |  Sobre nós  |  Contato  | 

Contato
Fone: (47) 3059-1228
Celular / Whatsapp: (47) 99660-9995
E-mail: contatojornalevolucao.com.br



© Copyright 2020 - Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
by SAMUCA