Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
Facebook Jornal Evolução       (47) 3059-1228       Whatsapp Jornal Evolução (47) 99660-9995       E-mail

Prefeitura de Rio Negrinho realiza cadastro para a castração de animais


Clique para ampliar
Clique para ampliar
Clique para ampliar

Trabalho teve início no bairro Vista Alegre, com cadastramento das famílias

 

Na manhã desta quarta-feira (8), a Prefeitura de Rio Negrinho deu início ao cadastramento para as pessoas de baixa renda na castração de animais, no bairro Vista Alegre. A “Ação 4 Patas” visa a conscientização dos cuidados e na proliferação dos animais na rua, que podem causar danos e até mesmo risco para as pessoas da comunidade.

 

Para o morador do bairro Vista Alegre Wellinton José Dias, que possui uma cadela e uma gata, é muito importante essa ação da Prefeitura. “A gente vê a maioria dos casos das cadelas nos cios que soltam por aí. Então, eu acho importante que a Prefeitura fez isso para amenizar um pouco os abandonos e também as castrações para não ver filhotinhos abandonados na rua, briga entre cachorros e ferimentos”, elogia.

 

Ao todo, 22 animais serão castrados no bairro Vista Alegre, de um total de 200 que o município pretende castrar neste ano. “É uma forma que encontramos para amenizar os problemas com os animais. E todas as castrações serão feitas por clínicas de Rio Negrinho, para que os valores fiquem na cidade”, informa o prefeito Julio Ronconi.

 

Na próxima quarta-feira, dia 15 de julho, ocorre o cadastramento dos moradores do bairro Industrial Norte. A ação será realizada das 8h30 às 11h na Igreja Santa Rita de Cássia.

 

Benefícios

Os benefícios da castração são variados, tanto para as fêmeas (diminui o risco de câncer de mama, não ficam mais vulneráveis a infecções uterinas graves e não entram mais no cio) quanto para os machos (diminui o risco de fugas, atropelamentos e brigas com outros machos, reduz problemas de próstata e evita-se o câncer de testículo, que pode ser fatal, menos necessidade de marcar território com urina e o animal pode ficar mais dócil).

 

Lei

Pela Lei n° 121, artigo 6°, de 1999, “o criador, proprietário ou responsável pela guarda do animal responde civil e penalmente pelos danos físicos e materiais, decorrentes de agressão dos animais a qualquer pessoa, seres vivos ou bens de terceiros”.

 



Comente






Conteúdo relacionado



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade


Inicial  |  Parceiros  |  Notícias  |  Colunistas  |  Sobre nós  |  Contato  | 

Contato
Fone: (47) 3059-1228
Celular / Whatsapp: (47) 99660-9995
E-mail: contatojornalevolucao.com.br



© Copyright 2020 - Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
by SAMUCA