Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
Facebook Jornal Evolução       (47) 3059-1228       Whatsapp Jornal Evolução (47) 99660-9995       E-mail

Covid-19: como fazer a higienização correta de hortaliças e frutas


Gislaine Engelmann, nutricionista clínica no Hospital Dona Helena, de Joinville (SC)

Clique para ampliar

De acordo com um estudo publicado no New England Journal of Medicine, neste ano, o vírus causador da Covid-19 pode ser transmitido pelo ar e após tocar em objetos contaminados – neste caso por meio do ato de levar a mão às mucosas (olhos, nariz e boca). Os cientistas descobriram que o vírus é detectável por até três horas em aerossóis, até quatro horas em cobre, até 24 horas em papelão e de dois a três dias em plástico e aço inoxidável.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária recomenda a utilização de produtos clorados, como hipoclorito de sódio, para tratamento de água para consumo e desinfecção de vegetais e frutas. Apesar de serem eficazes na redução da replicação e destruição de microrganismos, se usados indiscriminadamente, os agentes desinfetantes à base de cloro, em suas várias formas, podem estimular a formação de subprodutos halogenados, como trihalometanos e ácidos haloacéticos, cujo contato frequente e por tempo prolongado pode desempenhar efeitos mutagênicos, carcinogênicos e como disruptores endócrinos.

Dessa forma, com o objetivo de minimizar a contaminação com o vírus Covid-19, sugere-se que os cuidados com frutas e hortaliças em geral devem seguir as seguintes recomendações: ao chegar em casa do mercado ou feira, antes de colocar o hortifrúti na geladeira ou fruteira, se quiser manter armazenado na embalagem original, deve-se lavar as embalagens com água e sabão neutro e borrifar álcool 70% e armazenar na geladeira ou local apropriado. Se for optado por não armazenar na embalagem original, retirar as frutas e hortaliças das embalagens originais, lavar em água corrente, higienizar em solução clorada durante 15 minutos, conforme diluição do fabricante. Após 15 minutos, lavar novamente em água corrente, secar com papel toalha ou centrífuga de alimentos e armazenar os alimentos higienizados em recipientes fechados na geladeira. Se for armazenar frutas fora da geladeira, higienize a casca com álcool 70% e antes do consumo realizar higienização para frutas consumidas com casca em solução clorada conforme citado acima e consumir. A higienização com solução clorada deve ser realizada conforme recomendação do fabricante ou utilizando-se de 1 litro de água potável com adição de 1 colher de sopa de hipoclorito de sódio (2%).

Além da correta higienização, deve-se ter atenção no armazenamento e preparo dos alimentos. Para alimentos que necessitam de refrigeração, manter em temperatura abaixo de 5ºC ou para alimentos que necessitem de cozimento, recomenda-se temperatura acima de 70ºC para retardar a multiplicação de microorganismos. Após o cozimento, refrigerar rapidamente alimentos perecíveis ou cozidos. Sobras de comida não devem ser armazenadas na geladeira por mais de três dias.

***



Comente






Conteúdo relacionado



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade


Inicial  |  Parceiros  |  Notícias  |  Colunistas  |  Sobre nós  |  Contato  | 

Contato
Fone: (47) 3059-1228
Celular / Whatsapp: (47) 99660-9995
E-mail: contatojornalevolucao.com.br



© Copyright 2020 - Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
by SAMUCA