Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
Facebook Jornal Evolução       (47) 3059-1228       Whatsapp Jornal Evolução (47) 99660-9995       E-mail

Caso de sarampo é confirmado em São Bento do Sul

Sexta, 08 de novembro de 2019

 

Clique para ampliar
 

Um caso de sarampo foi confirmado pela Vigilância Epidemiológica de São Bento do Sul, nesta sexta-feira (8). A doença foi registrada em um homem de 27 anos e, além deste caso confirmado, outros 10 estão sob investigação.

Segundo a enfermeira e coordenadora da Vigilância Epidemiológica e Imunização, Cristiane Jantsch Sestren, nesta semana, 14 são-bentenses suspeitos de terem contraído sarampo realizaram exames. Destes, três deram negativo, um confirmado e outros 10 seguem em análise laboratorial.

A Campanha Nacional de Vacinação Contra o Sarampo segue nas Unidades de Saúde. Ela iniciou em outubro e tinha como foco bebês a partir de seis meses a crianças com até 4 anos, 11 meses e 29 dias. A partir de 18 de novembro a mobilização será para jovens de 20 a 29 anos, com o Dia D de vacinação em 30 de novembro”, disse Cristiane.

Mesmo com o direcionamento às faixas etárias, as equipes das Unidades de Saúde estão verificando a carteirinha de vacinação da população e só toma a vacina quem realmente precisa. “Por isso é importante que as pessoas procurem a Unidade de Saúde para verificar a sua situação”, comentou.

Para isso, além dos horários habituais das 7h30 às 12 horas e das 13 às 16h30, algumas unidades estão com atendimento estendido. Os ESF 03 (Centenário), ESF 05 (Cruzeiro) e o ESF 01 (Serra Alta) atendem de segunda a quinta-feira, das 17h30 às 21 horas. E o Posto de Saúde Central de segunda a sexta-feira, das 17h30 às 22 horas.

A Vigilância Epidemiológica informa que quem já procurou a Unidade de Saúde para a verificação de sua situação vacinal desde o dia 1º de novembro deste ano e as crianças que compareceram no período de campanha (em outubro) e foi verificada a situação vacinal, não precisarão retornar ao posto neste momento. “Mas precisamos que quem ainda não conferiu sua situação vacinal e está na faixa etária de 6 meses a 49 anos, que procure uma Unidade de Saúde”, disse Cristiane.

Quem deve se vacinar

Crianças

- Dose zero: Todas as crianças de 6 meses a menores de 1 ano (dose extra)

- Primeira dose: Crianças que completarem 12 meses (1 ano)

- Segunda dose: Aos 15 meses de idade, última dose por toda a vida

Adultos

- Quem tem entre 1 e 29 anos e recebeu apenas uma dose, recomenda-se completar o esquema vacinal com a segunda dose da vacina

- Pessoas entre 30 a 49 anos devem tomar apenas uma dose. Acima desta idade não é indicado

 



Comente






Conteúdo relacionado



Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade


Inicial  |  Parceiros  |  Notícias  |  Colunistas  |  Sobre nós  |  Contato  | 

Contato
Fone: (47) 3059-1228
Celular / Whatsapp: (47) 99660-9995
E-mail: contatojornalevolucao.com.br



© Copyright 2020 - Jornal Evolução Notícias de Santa Catarina
by SAMUCA